« Home | Bilhetes SCP – Lampiões » | “Mesmo a perder, por ti cantaremos…” » | Próximos Jogos do SPORTING » | SPORTING vs marroquinos » | Beira Mar 3 - 3 SPORTING » | [2] SPORTING 1 - 1 tripeiros » | Sporting 1 - 1 tripeiros » | 1º Dia »

naval 0 - 1 SPORTING

Um golaço de Ronny, na marcação de um livre directo, ao minuto 88, garantiu um triunfo muito suado na Figueira da Foz.O Sporting tentava esquecer o afastamento e o desgaste da Champions e ultrapassar as condicionantes no lado direito da defesa frente a uma das sensações da Liga portuguesa. Miguel Garcia voltou a ter uma oportunidade (perante as lesões de Caneira e Abel), e Liedson regressou ao ataque fazendo dupla com Alecsandro. Logo nos primeiros segundos, o “levezinho” atirou à figura de Taborda, mas aos 25, depois de um grande passe de Alecsandro , desperdiçou a mais flagrante oportunidade do primeiro tempo e atirou por cima. Mais do que a falta de inspiração, confirma-se a necessidade de uma dose extra de confiança, ou seja, um golo para Liedson.

Na equipa da Naval, sem poder contar com China e Pedro Santos, o novo técnico Fernando Mira manteve a estrutura do seu antecessor, com os velozes Lito e Saulo a apoiar o goleador Nei. O Sporting entrou dominador, mas não conseguiu aproveitar as situações de superioridade numérica e a meio da primeira parte as falhas na transição atacante, permitiram maior equilíbrio das operações na zona intermediária. Em contra-ataque, a Naval cresceu muito por culpa das subidas do ex-“leão” Mário Sérgio, que foi ajudando Saulo a destacar-se. A destreza de Ricardo, em duas situações protagonizadas pelo avançado da Naval, salvou o Sporting, quando a equipa já acusava algum desnorte na movimentação atacante.

Na segunda metade, pedia-se um Sporting mais inspirado e imaginativo nas acções colectivas, mas a frescura de Nani e Martins já não era a mesma (pesou nas pernas o desgaste do jogo no Giuseppe Meazza). Paulo Bento fez duas alterações de uma assentada, colocando Bueno e Romagnoli (Alecsandro e Custódio), recuando Moutinho para a posição de trinco. No entanto, frente a uma equipa a defender com coesão, o Sporting continuou a ter muitas dificuldades para incomodar Taborda. E sem capacidade de criar roturas, Paulo Bento subiu Tello e colocou Ronny (saiu Martins) na lateral, ficando Nani como médio direito. A sete minutos do fim, Bueno teve a melhor chance do jogo, permitindo a defesa da noite a Taborda, mas, mesmo desgastado, o “leão” foi buscar forças suficientes para encostar a Naval ao seu reduto, acabando por descobrir um joker no meio da incerteza. Ronny, tal e qual Roberto Carlos, num livre fulminante marcou ao cair do pano e mantém o Sporting na perseguição ao líder do campeonato.

Counter Stats
forex trading
forex trading Counter